Inovação no mercado musical

Inovação no mercado musical

Quem vive de música precisa estar muito atento às mudanças no cenário para se preparar pelo que vem por aí. Por isso, recentemente, diversos artistas e profissionais da indústria musical fizeram as apostas para os rumos do mercado musical para a próxima década durante a Slush Music, em Helsinki, e concordaram que a inovação é a chave para o sucesso nos próximos anos.

Foto: Pexels

Novas formas de consumir música

As questões do mundo digital, como formatos, de transmissão e distribuição da música, foram discutidas pelas personalidades que participaram do evento. Artistas, representantes de gravadoras e desenvolvedores de novas plataformas e aplicativos opinaram sobre as novas formas de se consumir música e sobre como a indústria deve se adaptar.

A cantora Imogen Heap lembrou que quando o mp3 surgiu havia muita divergência sobre as consequências do compartilhamento livre de material. "As gravadoras acharam péssimo e queriam criminalizar quem fizesse isso", lamentou. Mas a postura para a próxima década deve ser diferente segundo o representante da Warner Music Group, Tracy Gardner, que garante que é possível explorar essa nova realidade e garantir uma experiência melhor aos ouvintes.

Distribuição online

E é mesmo importante estar atento às novidades. O rádio vem perdendo cada vez mais espaço para a distribuição online de música. A transmissão de dados digital foi responsável por mudanças significativas no mercado fonográfico e diversos aplicativos como o iTunes e o Spotify têm tido cada vez mais espaço entre os ouvintes. Essas plataformas se tornaram importantes meios de publicidade do trabalho de cada artista na internet e, na próxima década, serão essenciais para essa indústria. Segundo os participantes, é função das gravadoras perceber essa nova forma de divulgação como uma oportunidade e, é claro, se adequar e aprender a ganhar com ela.

E você? Está preparado para se adaptar às novas formas de se produzir, distribuir e consumir música?

Quer chamar a atenção do público e dos programadores de casas de shows e festivais? Te mostramos em 10 passos para promover o seu projeto.

Sobre o Autor

Tetê Mesquita

Deixe seu comentário