Ambulatório oferece tratamento gratuito para músicos

Ambulatório oferece tratamento gratuito para músicos

Ter uma dieta balanceada, praticar exercícios físicos, beber muita água e dedicar tempo ao lazer são as principais fórmulas para ficar com a saúde em dia. Mas a rotina de trabalho dos músicos às vezes traz riscos que precisam de atenção especial. Por isso, hoje, data em que é comemorado o dia mundial da saúde, trazemos a história do Serviço Especializado em Saúde do Trabalhador (Sest) do Hospital das Clínicas da UFMG, que oferece gratuitamente tratamento para doenças ocupacionais entre músicos.

Foto: Aline Ruas Ornelas

Pensando na saúde do músico

O Programa de Atenção Integral à Saúde do Artista de Performance é pioneiro na atenção aos problemas que mais afetam esse público. Dente as queixas principais estão tendinite, distonia focal, dores e desconforto físico, sobretudo na coluna e nos membros superiores. Os pacientes recebem assistência de uma equipe multidisciplinar formada por médicos, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais e, claro, um músico, que avalia as queixas conforme as peculiaridades ocupacionais.

O foco do trabalho é na prevenção de doenças, na promoção de saúde e na autonomia dos pacientes na vigilância e prevenção de problemas relacionados ao trabalho, com o Grupo de Autogerenciamento de Saúde do Músico. Assim, os artistas aprendem sobre consciência postural e do padrão respiratório, controle de ansiedade na performance, técnicas de relaxamento muscular, percepção de flexibilidade e diversas estratégias para se cuidar antes, durante e depois da prática musical.

Evento do Dia do Músico, realizado no Sest do Hospital das Clínicas da UFMG. Créditos: Aline Ruas Ornelas

Atendimento gratuito

Os atendimentos acontecem principalmente em grupos, em atividades quinzenais. Nos casos mais graves, em que a sintomatologia comprometa as atividades profissionais e em que sejam necessárias intervenções mais específicas, os cuidados são individuais.

Quem quiser receber assistência no serviço, pode entrar em contato com o Sest pelo telefone (31) 3409-9564 ou enviar um e-mail com os dados do paciente para sestterapiaocupacional@gmail.com. O endereço de atendimento é no Ambulatório Bias Fortes, que fica na Alameda Álvaro Celso, 175, no bairro Santa Efigênia em Belo Horizonte. O tratamento é gratuito, custeado pelo SUS.

Com a saúde em dia, todo músico deve cuidar da sua carreira! Leia e entenda porque sua imagem é tão importante quanto sua música.

Sobre o Autor

Tetê Mesquita

Deixe seu comentário